quarta-feira, 13 de abril de 2016

JÚ NO CHURRASCO DE DESPEDIDA !!



Muitas foram as reclamações, mas não esperava mal comportamento de meus convidados. Em outra ocasião o que minha esposa acabara de ouvir seria inaceitável. A alegria e a embriaguez me impediram de reagir. A bebida produz comportamentos que só a ressaca pode concertar. Relevei. Afinal a responsabilidade era um pouco minha. Pensei no churrasco para me despedir dos velhos amigos. Ainda morávamos todos no mesmo bairro, mas quis a vida que eu tivesse que me mudar para outra cidade. O churrasco seria uma despedida, uma forma de reunir nós todos, oito amigos. Ficaríamos bebendo na piscina e a minha esposa cabia o preparativo dos acompanhamentos. Pois bem, falhei ao ignorar que minha esposa seria a única mulher da festa. Isto poderia gerar algum problema no decorrer da festa. Quando, umas 3 horas depois de iniciada a festa, minha esposa veio para a área da piscina trazer uns petiscos, me dei conta do erro que havia cometido. Juca fez a gracinha: - Oh, Carlos. Assim você castiga a gente. Não chama uma mulher pro churrasco e ainda põem a esposa para desfilar? Alguns deram risadas. Ela continuou séria e respondeu: - E dê-se por satisfeito. Podia ser pior. Podia não ter ninguém para olhar. Cena deliciosa de se ver. Vestia um short jeans deixando toda a perna grossa a vista, cobria somente a bunda, mas não escondia seu belo formato. Realmente gostosa. – Então, pode olhar? Para mim já é o suficiente. Os outros sete aplaudiram, eu inclusive. – Esse corpinho é propriedade do meu marido. Olhou com cara séria para os tarados, e saiu de cena meio irritada. Vez e outra ela voltava trazendo alguma coisa, uma hora com cerveja, outra com comida, sempre presente na área. Até que resolveu ficar conosco, bebendo um pouco. O Juca mais atirado puxou papo: - Não vai entrar na piscina? – Nessa aí? Cheia de tubarão? Não entro mesmo. Formou-se o coro e todos pediam a presença de minha esposa na piscina. Após algumas cervejas ela foi mudando de idéia. – Vou entrar na piscina. Vocês vão ganhar um presentinho meu. Eu e mais sete marmanjos ficamos curiosos. Ela pediu que fizéssemos um circulo com as cadeiras e que cada um sentasse numa cadeira. Pediu para aguardássemos enquanto ia ao quarto. Saímos da piscina e obedecemos à ordem. Jú voltou trazendo uma sacola com seus biquínis e sorteou um de nós para escolher o biquíni que usaria. O cara escolheu um discreto, mas sensual. – Já escolheram minha roupa? Então já posso me trocar. Dito isso ela começou a caminhar pelo círculo, olhando um a um. Escolheu um dos meus amigos, se aproximou e pediu que ele desabotoasse o seu shortinho. Ele desabotoou e desceu o zíper. O shortinho aberto revelava a frente da calcinha de cetim por baixo. Ela enrolou uma toalha em volta do corpo. A toalha escondia todo o tronco de minha mulher, deixava aparecer da cintura para baixo e dos ombros para cima. Seguiu até o rapaz sentado à direita do primeiro e pediu para ele tirar a blusa dela. O que foi feito. O próximo amigo já demonstrava ansiedade quando minha esposa sentou em seu colo. Sentou-se de costas para ele. Com um braço segurou a toalha escondendo os peitos e pediu que o cara abrisse seu sutiã. Ninguém estava acreditando naquilo. Minha gatinha sentou no colo do quarto sortudo, este deveria colocar o sutiã. Jú ainda segurava a toalha sobre o peito, o sujeito colocou o sutiã por cima da toalha, aproveitou para passar a mão em seus peitos, sempre de forma disfarçada, fingindo estar ajeitando o sutiã. A toalha estava entre o sutiã e os firmes peitos. Quando ela estava tirando a toalha o sutiã pulou para cima deixando os dois peitos para fora. Ela não fez movimento para escondê-los. A visão era linda, os peitos nus, as pontas endurecidas pela brincadeira e o shortinho aberto. Ela se levantou, ficou de frente para o sortudo e sentou novamente em seu colo. – Ajeita para mim, por favor. O cara tratou de cobri-la. Eu não agüentei e pus o pau pra fora, apertava a ponta do pau lentamente. Outros me acompanharam. Agora só restava o shortinho e a calcinha. Ela repetiu o ritual e enrolou a toalha no corpo. Ficou animada quando percebeu todos com o pau na mão. Dessa vez a toalha cobria seu corpo da cintura até os joelhos, escondendo o short. Ela foi até o quinto da fila que rapidamente enfiou a mão por baixo da toalha e puxou o shortinho. O cara seguinte, também afoito, enfiou a mão com pressa. Demorou um pouco, parecia estar alisando a boceta ou tentando abrir espaço pela lateral da calcinha. De repente, minha esposa deu um pulo e soltou grito contido de dor. – Aiiii, calma!!! Assim me machuca. Afastou-se do cara e agachou no chão, se recuperando da dor lancinante. A cara franzida com uma expressão de dor profunda. A calcinha ficou a mostra para todos os presentes. O cara que a machucou ficou envergonhado e pedia mil desculpas. Explicou que não era a sua intenção. – Tudo bem, não tem problema isso acontece. Recuperada, ela se levantou e colocou-se a frente do cara, ajeitou a toalha para esconder a calcinha, abriu as pernas e colocou uma mão em cada ombro do sujeito. – Vamos começar de novo. O cara alisou um pouco as coxas dela. Depois cuspiu nos dedos e sumiu a mão debaixo da toalha. Sua mão ia para frente e para trás. Minha esposa fazia movimentos tentando se encaixar. – Desce minha calcinha que fica mais fácil. O cara colocou as mãos dentro da toalha, desceu a calcinha pelas laterais até a altura do joelho. – Enfia um dedo só. Jú se mexia para frente e para trás. O cara apertando o pau. – Agora preciso vestir o biquíni. Empurrou o braço dele e foi até o Juca. – Você que vai me vestir. O Juca abriu um sorriso. Jú parou na sua frente e deu um show particular pro Juca. Abriu a toalha de forma que somente ele veria o corpo nu, todos os outros foram excluídos. A boceta estava muito próxima ao seu rosto. O Juca fechou os olhos e desceu o rosto na direção da boceta... – Não, não, não. É só pra olhar. Esse corpinho é do meu marido. O Juca olhava e se punhetava. – Vai me vestir ou vou ter que pedir a outro. Ele pegou a calcinha e vestiu minha esposa. – Espero que vocês tenham se divertido, quem quiser retribuir a gentileza pode, por favor, gozar dentro do meu biquíni. Ela ficou lá, em pé no centro do círculo. O Juca já tava doido e foi o primeiro a despejar. Virou ela de costas, puxou biquíni e se punhetou até dar uma grossa gozada. A porra ficou presa no Rêgo, no alto da bunda. Outro foi gozar, sua porra saiu em jatos rápidos e se acumulou junto a porra que já estava lá. Na vez do terceiro amigo gozar, a porra começou a escorrer pelo rego da minha esposa e se acomodar no fundo da calcinha. O quarto a gozar também encheu a bundinha dela de porra, mas nem uma gota caiu, estava toda guardada dentro da calcinha do biquíni. O quinto virou minha esposa de frente, desceu a frente de sua calcinha, encaixou sua cabecinha entre o pano e a boceta raspada da minha gatinha esfregando a cabeça do pau no grelo e colocando a cabeça do pau na entrada da buceta da minha mulher e lentamente, foi depositando seu esperma. O sexto e o sétimo o acompanharam. Quando chegou a minha vez gozei enquanto olhava um monte de porra dentro da calcinha dela.




9 comentários:

  1. oi :)gostosinha gostava de puder ver vc no skype

    ResponderExcluir
  2. Cada dia mais gostosa hein Ju. Muito bom o conto. Beijo

    ResponderExcluir
  3. Convido para conhecer a rede social SexFet. Um site com conteúdo adulto totalmente gratuito onde você pode criar seu perfil, publicar fotos, vídeos, conhecer pessoas novas para realização de fetiches e fantasias. Para conhecer o site basta acessar o endereço www.sexfet.com

    ResponderExcluir
  4. vc eh mtooo deliciosa!adoraria t conhecer melhor!meu skype eh wendelpc@hotmail.com e meu whatsapp eh 21 99992 6157!bjs em vc toda

    ResponderExcluir
  5. vc eh mtooo deliciosa!adoraria t conhecer melhor!meu skype eh wendelpc@hotmail.com e meu whatsapp eh 21 99992 6157!bjs em vc toda

    ResponderExcluir
  6. Picadmel_24@hotmail.com

    Me chama no skp

    Sexlog: picadmel
    D4swing: picadmel

    ResponderExcluir
  7. ju você é belíssima...adorei seu blog..sou de niteroi também..pena que não te conheço..gostaria de participar de suas histórias..beijão.. Skype friedrichnietzschenit@hotmail.com 988759051

    ResponderExcluir
  8. Queria fazer uma orgia
    Que tesão

    ResponderExcluir
  9. Que delicia
    Queria fazer uma suruba
    Nunca fiz

    ResponderExcluir